Você é participante?

O que é Liderança Situacional? Exemplos, vantagens e desvantagens em 2023

O que é Liderança Situacional? Exemplos, vantagens e desvantagens em 2023

Trabalho

Jane Ng . Junho 26 2023 . 7 min ler

Você é novo em uma posição de gerenciamento e está confuso sobre qual estilo de liderança usar? Você está lutando para determinar qual é o mais adequado à sua personalidade? Não se preocupe, você não está sozinho. Muitos gerentes recém-nomeados enfrentam esse desafio.

A boa notícia é que existe uma solução que não exige que você se force a adotar nenhum estilo específico. Essa estratégia é chamada Liderança situacional. Portanto, neste artigo, definiremos a liderança situacional e discutiremos como ela pode ajudá-lo como gerente.

Conteúdo

Mais sobre Liderança com AhaSlides

Quem inventou o termo 'liderança situacional'?Paul Hersey
Em que livro foi publicado?1969
Nome do livro com o termo 'liderança situacional'?Gestão do Comportamento Organizacional: Utilizando Recursos Humanos
Quem inventou a abordagem situacional?Hersey e Blanchard
Visão Geral da Liderança Situacional

Texto Alternativo


Procurando uma ferramenta para engajar sua equipe?

Reúna os membros da sua equipe com um questionário divertido no AhaSlides. Inscreva-se para fazer o teste gratuito da biblioteca de modelos AhaSlides!


🚀 Faça um teste grátis☁️

O que é Liderança Situacional?

A Liderança Situacional é uma abordagem de liderança baseada na Teoria da Liderança Situacional, que sugere que não existe um estilo de liderança único para todas as situações, e grandes líderes devem ajustar seu método dependendo dos casos para atender às necessidades específicas dos membros da equipe com base em seu nível de maturidade e disposição para assumir responsabilidades. 

Liderança situacional
Liderança situacional

Mas como os gerentes podem avaliar o nível de maturidade e o nível de disposição dos funcionários? Aqui está um guia: 

1/ Níveis de Maturidade

Os quatro níveis de maturidade são definidos da seguinte forma:

  • M1 – Baixa Competência/Baixo Comprometimento: Os membros da equipe neste nível têm experiência e habilidades limitadas. Eles precisam de instrução, direção e supervisão detalhadas para concluir a tarefa com sucesso.
  • M2 – Alguma Competência/Compromisso Variável: Os membros da equipe têm alguma experiência e habilidades relacionadas à tarefa ou objetivo, mas ainda podem ter dúvidas ou falta de confiança para realizar de forma consistente. 
  • M3 – Alta Competência/Compromisso Variável: Os membros da equipe têm experiência e habilidades significativas, mas podem não ter motivação ou confiança para concluir as tarefas da melhor maneira possível. 
  • M4 – Alta Competência/Alto Compromisso: Os membros da equipe têm ampla experiência e habilidades e podem trabalhar de forma independente ou até mesmo sugerir melhorias para a tarefa ou meta.
Fonte: lumelearning

2/ Níveis de Disposição 

Os níveis de disposição referem-se ao grau de prontidão e motivação dos funcionários para realizar uma tarefa ou meta. Existem quatro níveis diferentes de disposição: 

  • Baixa disposição: Nesse nível, os membros da equipe não estão dispostos a assumir a responsabilidade pela conclusão da tarefa ou meta. Eles também podem se sentir inseguros ou inseguros sobre sua capacidade de realizar a tarefa.
  • Alguma vontade: Os membros da equipe ainda não conseguem assumir total responsabilidade pela tarefa, mas estão dispostos a aprender e melhorar suas habilidades. 
  • Disposição moderada: Os membros da equipe podem assumir a responsabilidade pela tarefa, mas carecem de confiança ou motivação para fazê-lo de forma independente. 
  • Alta disposição: Os membros da equipe são capazes e estão dispostos a assumir total responsabilidade pela tarefa. 

Compreendendo os dois níveis acima, os líderes podem aplicar estilos de liderança que correspondam a cada estágio. Isso ajuda os membros da equipe a desenvolver suas habilidades, aumentar sua confiança e aumentar sua motivação, levando a um melhor desempenho e resultados. 

No entanto, como combinar os estilos de liderança com esses níveis de forma eficaz? Vamos descobrir nas seções a seguir!

Quais são os 4 estilos de liderança situacional?

O modelo de Liderança Situacional, desenvolvido por Hersey e Blanchard, sugere 4 estilos de liderança que combinam com os níveis de disposição e maturidade dos membros da equipe, a saber:

Os 4 Estilos de Liderança Situacional
  • Direção (S1) – Baixa maturidade e baixa disposição: Este método é mais adequado para novos membros da equipe que exigem orientação e orientação claras de seu líder. E para garantir que seus colegas de equipe cumpram a tarefa com sucesso, o líder deve fornecer instruções específicas.
  • Coaching (S2) – Maturidade baixa a moderada e alguma disposição: Essa abordagem é apropriada para aqueles que têm alguma experiência com a tarefa, mas não têm confiança para realizá-la de forma independente. O líder deve fornecer orientação e treinar os membros de sua equipe para ajudá-los a desenvolver suas habilidades e aumentar sua motivação.
  • Apoio (S3) – Maturidade moderada a alta e disposição moderada: Este método é melhor para os membros da equipe que têm conhecimento profissional e confiança na realização de uma tarefa, mas podem precisar de incentivo e apoio para realizar o seu melhor. O líder precisa permitir que os colegas de equipe tomem decisões e se apropriem da tarefa.
  • Delegar (S4) – Alta maturidade e Alta disposição: Esse estilo é mais adequado para quem tem experiência significativa e confiança para concluir uma tarefa com responsabilidade adicional. O líder só precisa fornecer orientação e apoio mínimos, e os membros da equipe podem tomar decisões de forma independente.

Ao combinar o estilo de liderança apropriado com o nível de desenvolvimento dos membros da equipe, os líderes podem maximizar o potencial do seguidor e alcançar melhores resultados.

Exemplos de Liderança Situacional

Aqui está um exemplo de como a Liderança Situacional pode ser aplicada em uma situação do mundo real:

Digamos que você seja gerente de uma empresa de desenvolvimento de software e tenha uma equipe de quatro desenvolvedores. Cada um desses desenvolvedores tem um nível diferente de habilidade e experiência, e todos estão trabalhando juntos em um projeto. Portanto, você deve ajustar seu estilo de liderança em função de seus níveis de desenvolvimento. 

Membro da EquipeNíveis de Desenvolvimento (Maturidade e Disposição) Estilos de Liderança Situacional
Desenvolvedor AEla é altamente qualificada e experiente e precisa de muito pouca orientaçãoDelegar (S4): neste caso, você delegaria tarefas a eles e os deixaria trabalhar de forma independente, verificando apenas ocasionalmente para garantir que tudo está no caminho certo.
Desenvolvedor BEle é habilidoso, mas carece de experiência. Ele precisa de alguma orientação e orientação, mas é capaz de trabalhar de forma independente, uma vez que entende o que se espera dele.Apoio (S3): Nesse caso, você deve fornecer instruções claras e verificar com frequência para responder a quaisquer perguntas e fornecer feedback.
Desenvolvedor CEla é menos habilidosa e menos experiente. Ele precisa de mais orientação e direção e pode precisar de algum treinamento para desenvolver suas habilidades.Treinamento (S2): Nesse caso, você forneceria instruções claras, monitoraria seu progresso de perto e forneceria feedback e treinamento regulares.
Desenvolvedor DEle é novo na empresa e tem experiência limitada com a tecnologia com a qual você está trabalhando. Eles precisam de orientação e orientação passo a passo e precisarão de treinamento e suporte extensivos para se atualizarem.Direção (S1): neste caso, você forneceria treinamento extensivo e monitoraria de perto o progresso deles até que eles pudessem trabalhar de forma mais independente. 
Aqui está um exemplo de como os Estilos de Liderança Situacional podem ser aplicados.

Benefícios da Liderança Situacional

Um líder de sucesso deve ser capaz de reconhecer o talento, alimentá-lo e posicioná-lo no lugar apropriado para ajudar seus companheiros a se desenvolverem.

Ajustar seu estilo de liderança regularmente para atender às necessidades de seus funcionários às vezes será difícil, mas sem dúvida será benéfico.

1/ Aumentar a Flexibilidade

A liderança situacional permite que os líderes sejam mais flexíveis em sua abordagem para liderar suas equipes. Os líderes podem adaptar seu estilo de liderança para se adequar à situação, o que pode resultar em melhor desempenho e resultado. 

2/ Melhorar a Comunicação

Contrastando a liderança autocrática com a comunicação unidirecional, a Liderança Situacional enfatiza a importância da comunicação efetiva entre o líder e os membros da equipe. Ao conversar e compartilhar, os líderes podem entender melhor os pontos fortes e fracos de seus colegas de equipe e fornecer-lhes apoio e orientação.

3/ Construir confiança

Quando os líderes reservam tempo para fornecer o nível adequado de suporte e orientação, eles podem demonstrar seu compromisso com o sucesso dos membros de sua equipe, o que pode levar a maior confiança e respeito. 

4/ Crie motivação com melhor desempenho

Quando os líderes adotam uma abordagem situacional da liderança, é mais provável que envolvam seus seguidores no desenvolvimento da carreira para oferecer orientação e conselhos úteis. Isso pode levar a um melhor engajamento e motivação dos funcionários, o que pode resultar em melhor desempenho e resultados.

5/ Crie um ambiente de trabalho saudável

A Liderança Situacional pode ajudar a construir uma cultura saudável que valoriza a comunicação aberta, o respeito e a confiança, e ajuda os funcionários a se sentirem à vontade para compartilhar seus pensamentos e ideias. 

Imagem: freepik

Desvantagens da Liderança Situacional

Embora a Liderança Situacional possa ser um modelo de liderança benéfico, também há algumas desvantagens a serem consideradas:

1/ demorado

A aplicação da Liderança Situacional exige que os líderes dediquem muito esforço e tempo para avaliar os requisitos de seus seguidores e adaptar seu estilo de liderança de acordo. Isso requer paciência e pode não ser possível em alguns ambientes de trabalho acelerados.

2/ Inconsistência

Como a Liderança Situacional exige que os líderes mudem seu estilo dependendo da situação, isso pode resultar em inconsistências na forma como os líderes abordam seus membros. Isso pode tornar difícil para os seguidores entenderem o que esperar de seu líder.

3/ Excesso de confiança no líder

Em alguns casos, os membros da equipe podem se tornar excessivamente dependentes de seu líder para fornecer orientação e apoio, levando à falta de iniciativa e criatividade, o que pode limitar seu potencial de crescimento e desenvolvimento.

Principais lições 

No geral, a Liderança Situacional pode ser um modelo de liderança valioso quando implementado de forma eficaz. Ao oferecer suporte, promover a colaboração, incentivar a autonomia e promover uma cultura positiva, os líderes podem criar um ambiente saudável que apoie o bem-estar e a produtividade dos funcionários.

No entanto, os líderes devem considerar cuidadosamente as possíveis desvantagens e tomar medidas para mitigá-las para garantir uma aplicação tranquila. 

E lembre-se de deixar AhaSlides ajudá-lo a se tornar um líder de sucesso com nossa biblioteca de modelos. Nossos modelos pré-fabricados variam de sessões de treinamento a reuniões e jogos para quebrar o gelo, fornecendo inspiração e recursos práticos para engajar seus funcionários.

*Ref: muito bem

Perguntas frequentes

Perguntas Frequentes


Tem uma questão? Temos respostas.

A Liderança Situacional é uma abordagem de liderança baseada na Teoria da Liderança Situacional, que sugere que não existe um estilo de liderança único para todas as situações, e grandes líderes devem ajustar seu método dependendo dos casos para atender às necessidades específicas dos membros da equipe com base em seu nível de maturidade e vontade de assumir responsabilidades. 
A Liderança Situacional ajuda a aumentar a flexibilidade, melhorar a comunicação, construir confiança, criar motivação com melhor desempenho e criar um ambiente de trabalho saudável.
O Estilo de Liderança Situacional pode ser demorado, inconsistência e confiança excessiva no Líder se praticar na direção errada.